Anualmente a Previdência Social divulga os calendários de pagamento do INSS, para 2020 foi feita apenas uma ‘suposição’ das datas, já que as oficiais ainda não foram divulgadas.

Aqueles que recebem menos do que um salário mínimo já começam a receber o seu benefício em 21 de dezembro do ano de 2019, em contrapartida, aqueles que recebe um valor maior terão que aguardar mais um pouco até o início do ano de 2020.

Um dos locais onde você pode conferir em primeira mão as datas dos depósitos do benefício é nas mais de 1.354 agências e unidades credenciadas ao instituto; além do mais, os calendários também poderão ser encontrados nos bancos pagadores de benefícios similares.

Calendário de Pagamentos do INSS

No site oficial da Previdência Social você pode conferir em primeiríssima mão o calendário oficial de pagamentos do INSS 2020, no entanto, ele ainda não está disponível. No momento ao acessar a página online encontraremos a tabela de 2019 a mostra.

É importante saber a data de pagamento com antecedência porque assim os beneficiários podem se programar melhor em assuntos referentes ao pagamento de contas. Vale lembrar que os assegurados, em casos de dúvidas, podem ter acesso as datas de pagamentos diretamente na central 135.

A ligação é totalmente gratuita, mas só pode ser realizada por meio de telefones fixos ou públicos. Para chamadas via celular o custo será de uma chamada local.

Para 2020 o modelo de pagamento permanece o mesmo, lembrando que segurados com o benefício de até um salário mínimo terão o seu pagamento em até dez dias, que acontece a partir dos cinco últimos dias do mês de competência até os cinco primeiros dias úteis do mês seguinte.

Já as pessoas que recebem o seu benefício com valores superior a um salário mínimo receberão o seu benefício nos cinco primeiros dias úteis do mês seguinte ao da folha de pagamento.

Depósitos dos benefícios

Os depósitos são feitos de acordo com o final do número de benefício, com exclusão do digito. O Instituto Nacional do Seguro Social alerta aos segurados que eles não devem divulgar o número do seu benefício, do seu CPF ou de sua senha à terceiros, nem faça qualquer pesquisa que exija seus dados pessoais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *